O começo do infinito

Se seus sonhos não tem fim, então pra que se limitar!?


Quando fizeres algo nobre e belo e ninguém notar, não fique triste.
Pois o sol a toda manhã faz um lindo espetáculo, e, no entanto, a maioria da platéia ainda dorme...

Uma boa música tocando no mp4, pela rua seus pés se movimentam em um ritmo sicronizado, um sorriso amarelo bem humorado é lançado a sua direção.
O som do carro velho combina com o barulho do helicoptero em cima de você,a sinfonia dos passaros ao fundo junta com o balançar das árvores, causado pelo vento.
Um andar nada elegante, uma música adoravel, sons que se juntam ao fundo montando uma verdadeira orquestra. Uma fumaça que tenta alcançar a dimensão do céu, em fala em céu; lá em cima as cores se misturam; o laranja se junta com o vermelho o rosa começa á se mostra, mas o branco tenta ganhar espaço entre o azul que começa a se acinzentar. Um cheiro se mistura ao vento em uma dança que eu não sei onde vai acabar.Em um só movimento todos dançam: O vento, as árvores, os carros, os pés e até as pipas no céu.
Uma luz acesa desperta curiosidade em  meio a um frio que começa a ser insuportável. Na regência do coral vem um maestro perdido e confuso com os pensamentos, o coreográfo é  o sonho, sonho de aprender o que sentir.Meu caminho é o mesmo, varias pessoas já passaram por ele, a rua não muda de nome, nem de direção, a música continua  alta, fazendo os pensamentos se confudir mais ainda.Não sei como começou, só vejo a fumaça se alastrar em um só movimento.
São apenas movimentos que podem mudar.
As luzes começam á acender a noite a chegar, mas não sei como terminar, eu nem ao menos sei como começei.

About this blog

Seguidores

About Me

Minha foto
belo horizonte, minas, Brazil
Just Me....
Tecnologia do Blogger.